quarta-feira, 20 de maio de 2015

PRIMEIRA VEZ NA DISCOTECA...


Há um bom par de anos, fui pela primeira vez a uma discoteca. Não me lembro bem do nome da mesma, mas sei que ficava ali em frente ao jardim Constantino, perto do restaurante "A Portugália". Era uma matiné e fui com um conjunto de amigos. Ficamos por lá cerca de 4 horas. E sei que nessas quatro horas fiquei sentado imóvel durante todo esse tempo. Como não sabia dançar, a timidez não ajudava, lá fiquei eu a ver o pessoal a saltar, dançar, divertir-se. Durante 4 longas horas acho que só me levantei para ir buscar uma coca cola.

-Anda dançar Bruno!
-Epá....já vou!
-Mas estás aí há 2 horas sentado!! Assim não arranjas ninguém!
-Quero lá saber!
-Anda lá rapaz!!
-Fónix mãe!! Deixa-me em paz!!

Aproximaram-se duas raparigas no espaço dessas quatro horas. Uma delas perguntou:

-Preciso de um beijo teu!!!
-E...??
-Agarra-me com força, encosta-me à parede e faz-me sentir que sou tua!!
-Ohh Avó Amélia....tem juízo!! O avô está a ver tudo!


Tudo isto para dizer que ás vezes olhamos para trás, no sentido de perceber como éramos, como somos, o que melhoramos. Ainda hoje sou do tipo de ficar mais sentado. Já não fico 4 horas. Mas 2 horas sentado, com a minha bebida a apreciar tudo à minha volta...isso ninguém me tira. Claro que já ouvi muitas dizerem: "Homem mais sem graça". Como o meu grande amigo João diz:

Para ser realmente homem....é preciso saber manter o "Low profile".

Um comentário:

Claudia Dias disse...

é isso mesmo pa! não cedas a pressões exteriores! cada um deve viver as coisas como mais lhe apraz e faz sentido...independentemente do que os outros pensam ou do que é "esperado" de ti! grin emoticon