segunda-feira, 23 de novembro de 2015

UM GOVERNO ABATIDO PELA GANÂNCIA DE UM PARTIDO.


Nunca em tempo algum me atrevi a falar sobre politica neste meu espaço. Confesso...não tenho arcaboiço no que toca a matérias políticas para discutir num nível para o qual não estou preparado.

Isso não é impeditivo porém de tentarmos perceber o que se vai passando à nossa volta e com isso parcas ou não que sejam essas ilações, construirmos também à imagem daquilo que vemos e ouvimos as nossas próprias constatações. Que, diga-se....carecem sempre também aqui e ali de mudança de pensamento, alteração de visões muitas vezes mais amplas,  de sabermos atentamente perceber também a informação e a necessidade imperial que tantas vezes necessitamos para discutir os assuntos mundanos, e no caso...politicas. 

Eis o que se diz....

Ponto 1 - Um Governo que Felizmente\Infelizmente teve de colocar em prática cargas enormes sobre o ombro de milhões de pessoas no que toca a apertar o cinto.
Pergunta: A vida era tão bela com anteriores governos, onde os gastos foram tão grandes, exorbitantes, despesistas que para nós continuarmos bem ....estes deveriam simplesmente deixar andar? 

Erraram na educação financeira que tantos portugueses despesistas lavavam as mãos como Pilatos a favor de uns e em detrimento de outros? Sim, foi duro! Teve de ser! Não havia outra forma, porque de outro modo continuávamos todos numa grande festa dentro de um circo vazio. Acho graça os partidos tidos como esquerdistas, venham agora passados 40 anos de Democracia ( Uma falsa sensação de real democracia existencial) dizer: " O povo disse com todas as letras que queria este Governo fora daqui" ....Really!?!? Say What?!? 

QUEM FAZ DE UM POVO ESTÚPIDO É MAIS ESTÚPIDO, DO QUE A FALSA MORALIDADE QUE EM PROL DE SI MESMO CARREGA COMO MONTRA DE UM SALVADOR SEM TRONO.

Ponto 2 - Não sou jornalista Politico, não sou deputado, não carrego comigo bandeiras partidárias. Não sou Português ou de outra etnia, cidadania, naturalidade. A minha morada são todas as moradas e o chão onde piso é igual em todo o mundo. Por isso mesmo na ideia de moralidade, ética a sensatez, luta pela verdade, combate aos extremismos e falsos atentados à consciência humana há uma linha que separa aquele que fala e aquele que escuta. 

Vejamos...um Governo Maldito como diriam tantos portugueses, governou por 4 anos. Foi duro como já citei acima...sem dúvida que o teve que ser. Nestas trocas e baldrocas partidárias teremos sempre alguém que na tentativa de melhorar é sempre acusado nem que seja por um e aquele que na tentativa de fazer o mal...idem, idem...aspas...aspas. Caímos na vã realidade politico social, de que nada vale confiar ou ter para si um Governo que mesmo tendo governado de chicote em punho...foi novamente escolhido....pelo PS...ops....desculpem...pelo...POVO!! 

Finalizando pois não quero alongar-me neste precipício politico para mim não há nada mais forte do que a união de um Povo contra todas as atitudes que possam ser cometidas pelos seus governos.

Nestas eleições caiu-se na tentativa escamoteada e à vista de todos de um "Golpe de Estado" de gente que de fato e gravata, tão bem falantes acharam-se no direito de dizer: 

ESTÃO A VER? O POVO DISSE COM TODAS AS LETRAS QUE NÃO QUER ESTE GOVERNO POR MAIS 4 ANOS!!

O povo elegeu com 38% dos votos a Coligação que está ainda...no Poder. Um bando de gananciosos entendeu que a palavra não pertence ao Povo senão ao seu próprio umbigo com sede de poder, de palmadinhas nas costas, de "Jobs for the Boys"...e uma vez conseguido dirão:

OBRIGADO PORTUGUESES POR CONFIAREM EM NÓS...

O povo não escolheu um Governo que praticou o mal. O povo escolheu um Governo que em condições totalmente desastrosas que vinham de trás teve de tomar medidas como um pai ou mãe que tem de educar um filho. O povo...esse grande asno da sociedade percebeu o que teve de ser feito e confiou...não para que este governo viesse fazer pior, mas que depois de toda a tempestade pudesse vir uma certa certeza de Bonança...

Vergonhoso...é que na tentativa de escamotear os votos de milhões de Portugueses...venham estes Técnicos de enfermaria de fatos e gravatas em socorro dos pobres portugueses que não estão nada bem...e por isso mesmo que nos coloquem um colete de forças, porque...como diria JC " Deixa-os...eles não sabem o que fazem".

Entre uma democracia ideal de bem comum...não deixa de haver um regime ditatorial de regimentos de partidos e partidinhos que sedentos de poder...se usam da inteligência para marcar de burros todos os outros.

Nenhum comentário: